Proteção de Renda – Perguntas e Respostas

postado em: Blog, Produtos | 0

Você já ouviu falar da Cobertura de Seguro Proteção de Renda? A Proteção de Renda também é conhecida no mercado como Diária de Incapacidade Temporária. Neste artigo respondemos a várias perguntas frequentes sobre esse tipo de cobertura de seguro. Para começar vamos dar um exemplo prático.

1. Ficar doente pode afetar a sua renda?

Todos nós, profissionais liberais, executivos e empreendedores, estamos expostos a esse risco.

Como você se sentiria estando doente e sabendo que não poderá gerar renda nos próximos 60, 90, 120 ou mais dias? Provavelmente preocupado, ansioso, angustiado. Como ficariam as suas contas? Provavelmente seriam afetadas negativamente, caso você não tenha formas de assegurar a sua renda fora do seu trabalho.

Através da Proteção de Renda, você consegue ter uma renda garantida, mesmo num eventual afastamento médico por doença ou acidente.

2. Quais são as coberturas da Proteção de Renda?

A Proteção de Renda consiste no pagamento de uma diária para cada dia de afastamento médico comprovado, por isso é conhecida também como Diária por Incapacidade Temporária (DIT). 

Quer saber quanto custa para garantir uma diária equivalente à sua renda atual, em casos de afastamento médico?

Clique aqui e solicite uma cotação sem compromisso.

Você receberá uma diária paga de acordo com o tempo de afastamento determinado pelo laudo médico, com duração de até um ano (365 dias).

A DIT é uma cobertura contratada como extensão auxiliar de Seguros de Vida. Portanto, ao contratar a DIT, além da cobertura contra a perda de renda por motivo de doença e acidente, você estará coberto pelas proteções padrão de um Seguro de Vida, como a indenização por morte acidental e invalidez permanente total ou parcial por acidente. 

3. Como será o pagamento das Diárias de Incapacidade Temporária?

Serão pagas via depósito bancário, com vencimento mensal, em data e conta bancárias definidas previamente.

Você precisará de uma declaração formal do médico (atestado com solicitação do afastamento) para dar entrada no pedido junto à seguradora. Portanto, é fundamental que você passe por uma avaliação médica, com seu médico de confiança ou hospital.

É preciso que você esteja impedido de exercer suas funções remuneradas, por doença ou acidente, por período temporário, de forma ininterrupta e contínua.

O atestado deve conter o tempo e os motivos do afastamento, com a especificação da doença. De posse do atestado, você deverá consultar a lista de documentos exigidos pela seguradora. Exames médicos, prontuários e receitas podem necessárias e mesmo que não sejam obrigatórias, ajudam a reforçar seu pedido.

Os médicos da seguradora farão uma análise dos documentos enviados por você para confirmar a necessidade de afastamento. Caso haja dúvidas, pode ser necessário que eles solicitem uma perícia, com médicos indicados pela seguradora. Neste caso, ele dará o parecer final sobre a necessidade e dias de afastamento.

Isso tudo ajuda a evitar fraudes e a garantir que a indenização será paga para as pessoas que efetivamente precisam. Você não tem o que temer, nós daremos toda assistência antes, durante e após a contratação. Estamos aqui para isso!

4. Como funciona a franquia da Proteção de Renda?

As seguradoras costumam aplicar uma franquia neste tipo de seguro também, como a maioria dos tipos de seguros. Geralmente corresponde a 10 diárias, ou seja, se você solicitar afastamento de 90 dias, no total, você receberá o valor das diárias descontado o valor da franquia, que daria portanto 80 diárias.

5. Como o contratar a Proteção de Renda?

A contratação da cobertura DIT depende de alguns fatores e escolhas importantes. Algumas variam de seguradora para seguradora, outras são determinadas pela legislação. Confira:

  • existe idade mínima e máxima, que são 16 e 65 anos, respectivamente, para todas operadoras;
  • existe um número máximo de diárias e é necessário verificar como funciona em cada caso;
  • alguns riscos e doenças pré-existentes estão excluídos de cobertura, consulte se é o seu caso;
  • em alguns casos existe carência, e elas variam de acordo com grandes grupos de doença; e
  • pode existir franquia.

Para uma contratação assertiva, que vai te dar toda tranquilidade, quando você mais precisar, antes de qualquer coisa, nós fazemos uma entrevista com você e fornecemos informações importantes para te orientar e para obter o máximo de informações antes de enviarmos uma proposta.

Portanto, após fazermos uma rápida checagem sobre suas necessidades, passamos a lista de documentos necessários para dar início à contratação.

6. O que é preciso comprovar para contratar a Proteção de Renda?

É preciso enviar comprovantes dos seus rendimentos, podendo ser a declaração de imposto de renda, contracheques ou seus extratos bancários dos últimos três meses.

Após enviar os dados e comprovantes seu perfil será analisado pela seguradora, que, por sua vez, vai apresentar as características e eventuais exclusões de cobertura. Você terá acesso a um contrato detalhado com os termos e condições. E depois de ter tirado todas as suas dúvidas e com sua aprovação final, fazemos a emissão da apólice junto à seguradora.

7. Quanto custa para ter a Proteção de Renda?

Criamos um personagem fictício para dar uma estimativa, feita em Janeiro de 2020, em uma das operadoras que são nossas parceiras. 

Para um dentista, com por volta de 40 anos, que gostaria receber R$ 150 por dia útil de afastamento, o investimento que ele pagaria ficou em R$ 59,00 mensais. Portanto, ele pagaria R$ 59 por mês para ter um Seguro de Vida com cobertura de Diária de Incapacidade Temporária, e receberia R$ 150 por dia em caso de afastamento médico comprovado. 

8. Conclusão

A Proteção de Renda é uma cobertura adicional aos Seguros de Vida. Portanto, ao contratar, além de proteger a sua renda, você também protegerá a sua família, em casos de de invalidez ou óbito.

Como se trata de um seguro, há que se considerar eventuais franquias, carências etc. e a cotação tem que ser feita de acordo com seu perfil individual, considerando informações que podem variar de acordo com cada operadora. Faça uma cotação agora mesmo clicando aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.